Algumas pessoas mal entram na academia e já correm direto para a suplementação. No entanto, a maioria não sabe dos efeitos colaterais que a má suplementação pode oferecer. Dentre eles, o mais comum é a insônia, e seu motivo ocorre por conta do uso de suplementos no horário inadequado.

O atleta deve apostar em uma dieta saudável antes de comprar suplementos. Às vezes a dieta por si só consegue suprir todas as necessidades de nutrientes do organismo, e a suplementação se torna inadequada.

Lembre-se que, em geral, a suplementação atua como auxiliar à alimentação; nem de longe deve substituir uma dieta equilibrada e saudável. Os suplementos alimentares podem ser usados para ajudar nos resultados, desde que com auxílio de especialistas.

Vamos aprender um pouco mais sobre os problemas da má suplementação — os quais poucas pessoas contam — e como você pode evitá-los.

Cuidado com o horário da suplementação

Por conta da rotina corrida do dia a dia, alguns atletas acabam realizando a suplementação em horários inadequados. Em geral, a maioria dos suplementos não trazem qualquer relação com o horário de consumo, com exceção dos estimulantes.

Suplementos de cafeína, maltodextrina e assim por diante podem acarretar problemas quando consumidos a noite. Dessa forma, atletas que treinam próximo ao horário de dormir devem usar esses suplementos com cautela.

O ideal é que o suplemento energético seja usado cerca de 4 horas antes de ir dormir. Porém, mesmo assim o excesso de energia pode causar distúrbios do sono, a depender do organismo do atleta.

Se forem consumidos próximos ao horário de dormir, com certeza o sono terá uma péssima qualidade — supondo que o atleta consiga dormir. Por não gastar a energia que consumiu, ela será usada ao longo da noite.

Embora os suplementos energéticos sejam os principais vilões do sono, aqueles que aumentam o rendimento do treino podem ser igualmente perigosos. A atividade física intensa acarreta na ativação de nosso sistema nervoso central, o qual fica alerta até mesmo após a atividade.

Dessa forma, suplementos como creatina e Whey Protein causam danos indiretos ao sono, pois potencializam o treino do atleta. Treinos feitos a noite apresentam maior probabilidade de afetar o sono.

Vale ressaltar que não é o suplemento em si que causa os males, mas sim o produto de uma atividade intensa na academia. Essa atividade intensa é favorecida pela suplementação, a qual atua indiretamente no processo.

A má suplementação pode causar outros males…

O uso inadequado de suplementos pode causar alguns problemas além do distúrbio do sono. Na verdade, o distúrbio do sono não é um problema específico dos suplementos, mas sim da atividade física, como vimos no tópico anterior.

Os produtos alimentares são ótimos para aumentar a força do atleta. Creatina e Whey são mestres nessa área. Porém, poucas pessoas conhecem os perigos do uso incorreto desses produtos.

A creatina, por exemplo, pode sobrecarregar órgão como os rins e o fígado. Dessa forma, o atleta pode sofrer de alguns problemas graves por conta do suplemento, principalmente sem o auxílio de especialistas.

O Whey, por sua vez, também força o fígado. Pessoas que já sofrem de problemas hepáticos podem piorar sua condição de saúde. Além disso, o produto ainda altera o pH sanguíneo, o que decorre de forçar os rins.

Outra condição maléfica é a formação de cálculo renal. Não é indicado que pessoas com histórico desse problema consumam Whey ou creatina, pois esses produtos podem ajudar na formação de pedras.

No longo prazo, alguns suplementos ajudam no afloramento da osteoporose. A razão disso está no desequilíbrio mineral causado pelo suplemento, o qual interfere diretamente nos ossos.

Por fim, um sintoma comum é a náusea. Em alguns casos, até mesmo o vômito pode ocorrer. Isso acontece quando usamos suplementos em excesso, os quais são rejeitados pelo organismo.

A alimentação é a chave para uma boa saúde

O uso de suplementos é sim um método para alcançar seus objetivos com mais facilidade. No entanto, o mais indicado é manter uma alimentação saudável e equilibrada.

Consumir frutas, castanhas, peixes, carnes magras e bastante verduras e vegetais é o melhor caminho para a boa saúde. Além disso, quando nossa alimentação está correta, os suplementos se tornam desnecessários. Lembre-se que eles foram desenvolvidos para suprir carências nutricionais.

Porém, nem sempre nossa alimentação dá conta de suprir as necessidades do corpo. Nesse caso, devemos procurar por um especialista no assunto e pedir por orientação.

Consulte um especialista antes de usar suplementos

Consultar um nutrólogo ajuda a entender se há ou não a necessidade de usar suplementos. Além disso, o profissional vai te ajudar a conquistar uma alimentação balanceada de acordo com seu estilo de vida.

Jamais use suplementos sem necessidade. Se estiver com dúvidas sobre um determinado produto, entre em contato com profissionais capacitados.

Ficou claro que a má suplementação afeta o sono — e muitos outros processos de nosso organismo. Mantenha uma dieta saudável e peça auxílio de um especialista quando achar necessário.

Veja Também:

-OTORRINO CENTRO